Afiliado a:

Representantes da FMB são recebidos pelo ministro da Saúde

Ministro Ricardo Barros garante participação da FMB no grupo de trabalho que irá discutir as questões profissionais dos médicos

Dirigentes da Federação Médica Brasileira (FMB), participaram na tarde desta quinta-feira, 21 de julho, de audiência com o ministro da Saúde, Ricardo Barros, em Brasília. Na pauta, assuntos relacionados à categoria médica, com destaque ao pedido de inclusão da FMB no grupo de trabalho que irá discutir assuntos relacionados à carreira médica.

“A reunião atingiu nosso principal objetivo nesse momento que é de participar deste grupo de trabalho que irá tratar de assuntos como a carreira médica, do programa Mais Médicos, do Revalida, da fixação de médicos nos vazios assistenciais. Estaremos junto ao Conselho Federal de Medicina (CFM) e da Associação Médica Brasileira (AMB) discutindo esses assuntos dentro do ambiente que gere a saúde no país”, destaca o presidente da FMB, Waldir Araújo Cardoso.

De acordo com o presidente da FMB, o ministro mostrou-se muito receptivo a escutar a categoria. “É uma mudança de postura em relação aos ministros que ocuparam este cargo nos últimos anos. Ricardo Barros tem suas ideias próprias de gerenciamento da saúde, mas observamos que ele ouviu nossos argumentos e pareceu-nos disposto a conversar”, acrescentou.

Entre os temas tratados na audiência também foram apresentados ao ministro a importância da carreira de Estado para médicos, a precarização do trabalho médico, a realização do exame Revalida para os médicos formados no exterior e que irão trabalhar no Mais Médicos, atenção maior à Residência Médica e aos médicos residentes e atenção à quantidade de escolas médicas. “Não precisamos de mais cursos de medicina. Precisamos de melhores escolas para formamos médicos com qualidade”, acrescentou Waldir ao citar que financiamento e gestão também foram assuntos tratados durante a reunião.

Além de Waldir Cardoso, participaram da audiência a vice-presidente da FMB, Janie Painkow (Tocantins), a secretária geral da FMB, Malu Davi (Pernambuco), o secretário de Finanças da FMB, José Erivalder Oliveira (São Paulo), o diretor de Comunicação da FMB, Cyro Soncini (Santa Catarina) e o presidente do Sindicato dos Médicos de Santa Catarina, Vânio Cardoso Lisboa.

Fonte: FMB

Foto: Thamyres Ferreira / Ministério da Saúde

Deixar um comentário