Afiliado a:

Comissão vai lançar selo Escalpelamento Zero

A comissão estadual de combate aos acidentes com escalpelamento no Pará comemora o fechamento dos trabalhos de 2017 com um saldo altamente positivo. Somente um acidente com sequelas mais graves foi registrado este ano. Foi no mês de agosto, no município de Portel. Agora em novembro, um segundo acidente foi registrado envolvendo embarcações nos rios do estado. Uma mulher sofreu um corte na cabeça em uma viagem na ilha das Onças, região metropolitana de Belém. Felizmente, ela não teve o couro cabeludo arrancado como em geral acontece com as vítimas de escalpelamento.

Na última reunião do ano da comissão estadual, realizada nesta quinta-feira, no Sindmepa, a equipe divulgou a realização de uma festa de confraternização com a premiação de pessoas e entidades que tiveram papel relevante no combate a esse tipo de acidente nos rios do Pará. O evento vai acontecer no próximo dia 13, na sede da Tuna Luso Brasileira, na Almirante Barroso. Na ocasião serão entregues placas e certificados e será lançado o selo Município Escalpelamento Zero, a vigorar a partir de 2018. Para estimular o combate aos acidentes nos municípios ribeirinhos paraenses.

E no próximo dia 5, a comissão estará em Abaetetuba entregando cestas básicas e brinquedos, em uma escola municipal. A equipe também vai promover testes de hepatites, sífilis, HIV e AIDS, ações de prevenção ao escalpelamento e orientações para saúde bucal. Equipes dos Bombeiros farão demonstrações de resgate e salvamento em caso de afogamento.

Deixar um comentário