Afiliado a:

Hemopa reforça a importância da doação regular na semana do doador

Nesta sexta-feira (25), de 7h30 as 18h, a Fundação Hemopa fará uma programação dedicada integralmente aos doadores voluntários de sangue, que ajudam a manter o estoque do hemocentro e asseguram o atendimento da demanda transfusional. A atividade marca o Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue, tema de uma campanha do Ministério da Saúde (MS) aberta no último dia 19, destinada a fidelizar o doador para garantir abastecimento contínuo da rede de hemoterapia do país, que atualmente é composta por 32 hemocentros estaduais que coordenam 530 serviços de coletas.

Em Belém, a campanha “Todo dia é dia de Doar sangue” se estenderá até o dia 25, com uma meta de coleta diária de 250 doações, sendo que no sábado a meta será de 400 coletas.

No Pará, o serviço é coordenado pelo Hemopa, que mantém os Hemocentros Regionais de Marabá, Santarém e Castanhal; os Hemonúcleos de Altamira, Abaetetuba, Tucuruí, Redenção e Capanema e as Agências Transfusionais, com total de 43 unidades distribuídas em todo o estado, e um índice de 2.2% da população doadora sangue – acima da média nacional, que é de 1,8%.

Do total de doações efetivadas no Pará, 46% são de repetição, sendo 34.8% do sexo feminino e 65.2% de homens. Os jovens respondem por 41% do público doador. Já a dos tipo espontânea correspondem a 62,3% e de primeira vez se mantêm em 25,7%.

De acordo com o MS, em 2015, cerca de um milhão de pessoas doaram sangue pela primeira vez, o que representa 38% do total das doações. Já outras 1,6 milhão de pessoas, ou 62% do total, retornaram para doar. Durante o período, foram realizadas 3,7 milhões de coletas de bolsa de sangue no país, resultando em 3,3 milhões de transfusões.

Apesar disso, os serviços do Sistema Único de Saúde (SUS) e da Hemorrede Pública Nacional encontram-se com os estoques no limite, apresentando dificuldades na manutenção dos estoques estratégicos e necessitando de mais doadores. E no Pará não é diferente, apesar dos cerca de 100 mil doações feitas anualmente. Além da rede hospitalar, com mais de 200 estabelecimentos vinculados, o hemocentro tem a responsabilidade de garantir atendimento transfusional para mais de 13 mil pacientes hematológicos atendidos regularmente pela instituição.

A campanha nacional de doação de sangue do Ministério da Saúde tem como slogan “Doar sangue é compartilhar vida” e ressalta a importância dessa ação, ao destinar R$ 617,2 milhões à hemorrede brasileira. Os recursos foram destinados ao fortalecimento da rede nacional do Sistema Único de Saúde (SUS) para a modernização das unidades, qualificação dos profissionais e processos de produção.

Programação comemorativa em homenagem ao doador de sangue

De 21 a 25, o Hemopa estará com uma programação comemorativa ao Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue, que prevê a entrega de preservativos, camisetas e cartões de parabéns aos colaboradore, além de lanche especial, música ambiente, Caravana Solidária, atrações musicais e orientações sobre educação em saúde. Até o momento, 10 instituições confirmaram participação na campanha “ Instituição Cidadã”, que encaminha servidores ao hemocentro para reforço do estoque técnico.

O Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue (25 de novembro) será celebrado na sede do Hemopa, de 8h às 16h, com apresentação dos cantores Alcyr Guimarães, Jorginho Gomes, Beto e Leno, Coral Eva Anderson, Coral Tamba Tajá, paródia musical com alunos da Escola de Ensino Fundamental e Médio Tenente Rêgo Barros, exposição de entidades voluntárias, caravanas solidárias e os tradicionais parabéns em homenagem aos doadores.

Ano passado a campanha contou com a participação de 1.963 doadores, resultando em 1.650 coletas que ajudaram a salvar cerca de 6.600 pacientes internados na rede hospitalar. Este ano, a meta diária será de 250 coletas.

Podem doar sangue pessoas com boa saúde, que tenham entre 16 e 69 anos e pesem acima de 50 quilos. Menores de 18 anos podem doar somente com autorização dos pais ou responsável legal. É necessário portar documento de identidade original, assinado e com foto, além de estar bem alimentado. O homem pode doar a cada dois meses e a mulher, a cada três.

Serviço: A Fundação Hemopa fica na Travessa Padre Eutíquio, 2.109, em Batista Campos, e no acesso ao Pórtico Metrópole, na entrada do shopping Castanheira (BR-316, km 1). As coletas são feitas de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 18h, e aos sábados, das 7h30 às 17h. Mais informações pelo Alô Hemopa: 0800 280 8118.

Deixar um comentário