Afiliado a:

Preocupação em Pebas

Médicos efetivos e temporários da Secretaria Municipal de Saúde de Parauapebas estão novamente tensos aguardando o pagamento de maio. Todos os demais servidores da Prefeitura já receberam, menos os médicos. Nenhuma justificativa foi dada por parte da Secretaria de Saúde ou do Prefeito, como sempre.

O descaso com a categoria médica vem desde o início da atual Gestão Municipal. Começou não ofertando vagas para médicos no concurso público. Fomos a única categoria não contemplada, mesmo que 80% do quadro seja de temporários. A gestão seguiu reduzindo remunerações, onde o auge foi um decreto que subtraiu o direito de todos os servidores da saúde a contagem dos valores dos plantões para Férias, 13º Salário e Licença-maternidade.

O Sindmepa está organizando uma Assembléia Geral Extraordinária para deliberar o Estado de Greve, caso os pagamentos não sejam cumpridos até o quinto dia útil.

Deixar um comentário