Afiliado a:

Vereadores vão pedir instalação de um Centro de Perícia Científica em Redenção

Cumprindo a sua agenda de visitas técnicas em Redenção, o Sindmepa realizou, na noite de ontem (17), uma Assembleia Geral com médicos do município e esteve conversando com vereadores do local, nesta manhã (18), na Câmara Municipal, buscando melhorias nas condições de trabalho dos médicos do local.

De acordo com o diretor João Gouveia a Assembleia Geral, ocorrida na noite de ontem, contou com um número significativo de médicos e foi importante para discutir soluções para melhores condições de trabalho e para os atrasos salariais, referente aos meses de agosto e setembro. Durante a reunião também foi realizada a eleição para a escolha dos delegados sindicais que vão representar o Sindmepa no município. Os delegados titulares eleitos são os doutores Ugo Picego e Edson Portela, como suplentes foram eleitos os doutores Jorge Antônio Machado e Rodrigo Lustosa.

Um relatório detalhado a respeito das denúncias e dificuldades enfrentadas pelos médicos em redenção deve ser elaborado pelos delegados sindicais.

Reunião na Câmara Municipal de Redenção

Reunião na Câmara Municipal de Redenção

Nesta manhã, o diretor João Gouveia e o assessor jurídico do Sindmepa Eduardo Sizo, junto aos delegados sindicais eleitos na noite de ontem, seguiram para a Câmara municipal de Redenção a fim levar os problemas enfrentados pelos médicos de redenção aos vereadores do município, entre eles: o caso dos dois médicos que foram presos por se recusarem a fazer perícia e preencher laudo pericial, atrasos no pagamentos aos médicos. o Sindmepa também apresentou um pedido para que os delegados sindicais façam parte da Comissão de Saúde do município.

Durante a reunião, os vereadores se comprometeram em aprovar a moção de repúdio contra o ato arbitrário do delegado e afirmaram que vão pedir o afastamento do mesmo do seu cargo. Os vereadores também pretendem pedir a instalação de um centro de perícia científica para solucionar os atritos entre médicos e delegado de polícia da região e cobrar da prefeitura a atualização das folhas de pagamentos dos profissionais da medicina referente aos meses de agosto e setembro.

Deixar um comentário