sáb

abr 20, 2024

Afiliado a:

Login

Espaço do Médico

sáb

abr 20, 2024

Afiliado a:

Espaço Médio

Escalpelamentos no Pará e Amapá são alvo de campanha do CFM

Em média, uma pessoa por mês é vítima de escalpelamento em embarcações nos rios paraenses. O dado foi confirmado hoje em reunião promovida pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), em Belém, com a participação de representantes de diversas entidades para discutir a campanha de combate ao escalpelamento no Pará e Amapá.

A estatística, que pode ainda estar subregistrada, foi divulgada pela coordenadora do Programa de Vítimas de Escalpelamentos da Santa Casa, Socorro Ruivo. Os acidentes geralmente envolvem meninas na faixa etária dos 8 aos 12 anos, mas há casos de mulheres adultas e até homens e meninos vitimados.

Para reduzir os casos desses acidentes, o Conselho Federal de Medicina está lançando uma campanha sobre o assunto organizada pela Comissão de Ações Sociais do CFM. A ideia é trabalhar de forma articulada para prevenir acidentes desta natureza que fizeram centenas de vítimas nos últimos anos. No Pará, já foram contabilizadas 391 vítimas de escalpelamento desde 1979 e no Amapá, 422 casos.

A maior dificuldade para se coibir o problema é a sensibilização dos barqueiros no sentido de adotar os mecanismos de proteção do motor das embarcações. São milhares de rabetas, cascos, barco-motor, entre outras modalidades de embarcações a circular nos rios da região, sem o controle da Capitania dos Portos ou da Marinha.

Cartilhas impressas, revistas em quadrinhos, vídeos publicitários com a participação da atriz Dira Paz, madrinha da campanha, são algumas das soluções da campanha publicitária, direcionada a estudantes ribeirinhos, barqueiros e moradores da região.

A reunião foi coordenada por Henrique Batista e Silva, secretário geral do CFM. Participaram ainda Socorro Silva, representante da Sespa; representantes da Marinha; representantes da Santa Casa; do CRM e a assessoria de imprensa do Sindmepa, entre outros.

 

Veja mais
Músico apresenta Através do Tempo na Quarta Musical

Músico apresenta Através do Tempo na Quarta Musical

José Maria Bezerra volta à Quarta Musical do Sindmepa com o show “Através do Tempo”, título do álbum lançado em março deste ano. O músico apresentará o repertório autoral em

Sindmepa Informa – 18.09.2023

Sindmepa Informa – 18.09.2023

PARALISAÇÕES Médicos das UPAs Marambaia, Jurunas e Terra Firme comunicaram ao Sindmepa na ultima sexta-feira que iriam paralisar os atendimentos nas unidades novamente por atraso de pagamento. O último repasse

CFM atualiza termos para publicidade médica

CFM atualiza termos para publicidade médica

Após processo que durou mais de três anos, o Conselho Federal de Medicina atualizou as regras de publicidade médica. Para definir as novas diretrizes foi realizada uma consulta pública, que