ter

maio 21, 2024

Afiliado a:

Login

Espaço do Médico

ter

maio 21, 2024

Afiliado a:

Espaço Médio

Médicos denunciam problemas na saúde

O não pagamento de plantões extras aos médicos de Belém foi o principal assunto tratado entre a categoria e o Sindicato dos Médicos do Pará (Sindmepa), em reunião, realizada ontem à noite, na sede do sindicato.

Os médicos denunciaram que, além do não pagamento das horas trabalhadas no Natal e no Ano-Novo, o pagamento dos demais plantões tem sido feito em datas diferenciadas.

Revoltados com a situação, os médicos da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Icoaraci fizeram paralisação no último dia 27 e só retornaram ao trabalho depois que a prefeitura de Belém sinalizou com o pagamento dos atrasados.

O mesmo não ocorre com as demais unidades de saúde da cidade, incluindo os Pronto-Socorros Municipais (PSM) do Guamá e da 14 de Março, onde os médicos continuam sem receber.

Durante a reunião, o diretor do Sindmepa, João Gouveia, informou que conversou por telefone com o secretário municipal de Saúde, Sérgio Amorim, e ele teria se comprometido a pagar o mês de dezembro hoje, enquanto que o plantão do ano novo (31 de dezembro e 01 de janeiro), que é pago em dobro, só sairá na próxima quinta-feira.

REUNIÃO

No próximo dia 5, o Sindmepa e a Secretaria Municipal de Saúde (Sesma) farão uma reunião e, entre outros assuntos, discutirão a fixação de uma data para o pagamento dos plantões.

Os médicos presentes à reunião – muitos em início de carreira e trabalhando em regime de plantão sem vínculo trabalhista -, denunciaram a redução de plantões clínicos e pediátricos a partir de fevereiro nas unidades de saúde de Belém, o que significa redução de médicos plantonistas para atender a população.

Outro assunto que dominou a reunião foi a ausência de pediatras nos PSMs. Segundo uma médica que não quis se identificar, o setor só conta com um especialista atendendo na triagem, mas se o caso for encaminhado para a Unidade de Reabilitação (UR), as crianças não são atendidas porque os enfermeiros não sabem tratar dos casos ou porque não têm os equipamentos básicos. Segundo ela, o ideal seria ter um pediatra na UR.

(Diário do Pará)

Veja mais
Músico apresenta Através do Tempo na Quarta Musical

Músico apresenta Através do Tempo na Quarta Musical

José Maria Bezerra volta à Quarta Musical do Sindmepa com o show “Através do Tempo”, título do álbum lançado em março deste ano. O músico apresentará o repertório autoral em

Sindmepa Informa – 18.09.2023

Sindmepa Informa – 18.09.2023

PARALISAÇÕES Médicos das UPAs Marambaia, Jurunas e Terra Firme comunicaram ao Sindmepa na ultima sexta-feira que iriam paralisar os atendimentos nas unidades novamente por atraso de pagamento. O último repasse

CFM atualiza termos para publicidade médica

CFM atualiza termos para publicidade médica

Após processo que durou mais de três anos, o Conselho Federal de Medicina atualizou as regras de publicidade médica. Para definir as novas diretrizes foi realizada uma consulta pública, que