sex

abr 12, 2024

Afiliado a:

Login

Espaço do Médico

sex

abr 12, 2024

Afiliado a:

Espaço Médio

Sindmepa Informa – 22.03.2015

DOIS PESOS, DUAS MEDIDAS

O mesmo governo que oferece concurso público para provimento de vagas no cargo de defensor público substituto do Estado do Pará, com remuneração inicial de R$ 15.663,55, paga aos seus médicos da Sespa míseros R$ 3.000,00. Ainda por cima, sem oferecer as mínimas condições adequadas de trabalho e segurança de uma carreira comprovando, mais uma vez que, para este governo, saúde não é prioridade e os trabalhadores da saúde não merecem ser valorizados.

PCCR

Na região Norte os dois únicos Estados que ainda não possuem PCCR na saúde são o Pará e Roraima e, ao que parece, com este governador, nosso Estado será o último a conquistar Plano de Cargos, Carreira e Remuneração. Fica a impressão que hospitais são mais importantes que as pessoas que trabalham neles.

PRÓ-SAÚDE

A Pró-Saúde, OS que administra cinco hospitais regionais no Estado (Metropolitano, Galileu, HR Santarém, Marabá e Altamira) veiculou na imprensa esta semana os “bons resultados” alcançados em 2014. Realmente, esta OS tem muito a comemorar: a parceria com o governo do Estado em que sobra grana e faltam serviços, pois a empresa escolhe os pacientes que deve atender, fechando as portas de acesso; o não cumprimento do contrato de gestão; o não cumprimento de metas; e a contratação de médicos sem vínculo empregatício, burlando a legislação trabalhista e impostos. Enfim, uma mamata sem precedentes. Razões de sobra para

comemorar mesmo.

FAMAZ

Diretores do Sindmepa visitaram nesta semana a Faculdade Metropolitana da Amazônia (Famaz) sendo recebidos pelo coordenador José Antonio Cordero, que apresentou a instituição em sua estrutura física e na metodologia inovadora utilizada no curso de medicina que oferece para 150 alunos. Fomos convidados a participar de uma das aulas da disciplina Humanidades, que aborda temas sobre o exercício profissional visando atitudes preventivas de demandas éticas ou judiciais. Em abril, vamos visitar os estudantes e colocar a estrutura do Sindmepa à disposição e oferecer parceria nas suas atividades. Representaram o Sindmepa na visita os diretores Herivaldo Pereira e Waldir Cardoso.

ESTADO DE GREVE

Médicos da Estratégia Saúde da Família (ESF) decidiram entrar em estado de greve durante reunião, na última terça-feira (17), no Sindmepa. A decisão foi tomada após várias reuniões dos profissionais em que relatavam diversos problemas enfrentados no programa ESF. Há também a diferença salarial entre eles e os profissionais contratados pelo Mais Médicos e o Provab. A Prefeitura de Belém já foi notificada pelo Sindmepa sobre o estado de greve.http://127.0.0.1/medicos-do-esf-estao-em-estado-de-greve/

MÉDICOS E O HOL

Diversos problemas envolvendo a atividade médica no Hospital Ophir Loyola (HOL) foram abordados em reunião realizada entre diretores do Sindmepa e o novo diretor geral do HOL, Vítor Mateus. A regulação da situação trabalhista dos médicos frente ao Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado com o Ministério Público Estadual foi o assunto central da conversa. Discutimos também PCCR e a situação do novo hospital oncológico infantil, que corre o risco de cair nas mãos de uma OS.http://127.0.0.1/sindmepa-discute-situacao-trabalhista-de-medicos-do-hol/

ESCALPELADOS

Participamos nesta semana, no Sindmepa, da reunião da Comissão Estadual de Erradicação de Acidentes com Escalpelamento. Apesar do trabalho constante de entidades governamentais e não governamentais, acidentes desse tipo continuam acontecendo em nossos rios. Em 2014 subiu o número de casos notificados em relação a 2012 e 2013. Foram onze acidentes, sendo um com vítima fatal no município de Muaná, contra dez acidentes em 2012 e 2013. Vamos intensificar as ações e chamar mais parceiros para essa causa. http://127.0.0.1/sobe-numero-de-acidentes-com-escalpelados-no-para/

CMS BELÉM

Finalmente, o Sindmepa retornou ao Conselho Municipal de Saúde de Belém por meio de uma vaga cedida pelo Sisbel. E já entramos em grande estilo: pautamos para debate o estado de greve dos médicos da Estratégia Saúde da Família e propondo uma audiência pública para discutir a realidade deste serviço em Belém. O Sindmepa será um cobrador intransigente de melhorias na qualidade da Atenção à Saúde em Belém e dos salários pagos aos médicos.

COSEMPA

Mais uma reunião foi realizada nesta semana pelo Conselho Superior de Entidades Médicas do Pará (Cosempa) com importantes decisões na área médica. Foi recomposta a Comissão Estadual de Honorários Médicos, que em breve vai realizar uma reunião com médicos e sociedades e cooperativas de especialidades para discutir a medicina suplementar no Estado. Também foi reativada a Comissão de Assuntos Políticos estadual que vai atuar por meio de Termo de Cooperação com Câmara Municipal de Belém e a Assembleia Legislativa do Estado em projetos de interesse da área da saúde. Já foi realizada audiência com o presidente da CMB para reativar o Termo de Cooperação e o mesmo será feito com a Alepa, além de audiência com o governador para tratar de assuntos da saúde no Estado.

Veja mais
Músico apresenta Através do Tempo na Quarta Musical

Músico apresenta Através do Tempo na Quarta Musical

José Maria Bezerra volta à Quarta Musical do Sindmepa com o show “Através do Tempo”, título do álbum lançado em março deste ano. O músico apresentará o repertório autoral em

Sindmepa Informa – 18.09.2023

Sindmepa Informa – 18.09.2023

PARALISAÇÕES Médicos das UPAs Marambaia, Jurunas e Terra Firme comunicaram ao Sindmepa na ultima sexta-feira que iriam paralisar os atendimentos nas unidades novamente por atraso de pagamento. O último repasse

CFM atualiza termos para publicidade médica

CFM atualiza termos para publicidade médica

Após processo que durou mais de três anos, o Conselho Federal de Medicina atualizou as regras de publicidade médica. Para definir as novas diretrizes foi realizada uma consulta pública, que