ter

maio 21, 2024

Afiliado a:

Login

Espaço do Médico

ter

maio 21, 2024

Afiliado a:

Espaço Médio

Audiência pública discute terceirização da saúde em Marabá

Na manhã desta quinta-feira, 23, uma audiência pública foi realizada no Cine Marrocos em Marabá, sudeste paraense, no intuito de discutir a terceirização da saúde no município. Promovida pelo Sindicato dos Servidores em Saúde Pública do Estado do Pará (Sintesp-PA) – Núcleo de Marabá, em parceria com o Sindmepa, a audiência culminou em um ato contra a terceirização da saúde no local.

Segundo o diretor do Sintesp/Marabá, Demerval Silva, o evento visa oportunizar um debate sobre o tema e estabelecer as condições da representação dos profissionais contra a proposta de terceirização no setor público, o que vem sendo mantido nos bastidores da gestão municipal sem qualquer debate nos espaços democráticos. “O que queremos é botar em prática o direito de democratizar essa discussão. As autoridades públicas não podem simplesmente impor uma decisão desse porte”, comentou Silva.

IMG-20150723-WA0006
População, servidores e representantes sindicais estiveram presentes na audiência pública

“O Estado quer passar para empresas privadas uma responsabilidade que é apenas dele. O Estado, primeiramente, tem que se estruturar, e não dar lucro para terceiros. Dessa forma haverá sempre uma estagnação no sistema. Não é assim que resolveremos o problema do sistema público de saúde”, desabafou Silva.

Ainda segundo Silva, diversos órgão públicos foram chamados a participar do evento, mas nenhum compareceu. “Convidamos o prefeito municipal, CMB, MPE, secretário de saúde, entre outros, mas nenhum esteve presente. Acredito que em outro momento eles possam comparecer porque esse é apenas o primeiro momento de nossa manifestação”, ressaltou Silva.

Dentre os debatedores do evento estavam o diretor do Sindmepa, Waldir Cardoso, que esclareceu as consequências da terceirização para os serviços de saúde e força de trabalho; e o assessor jurídico do Sindmepa, Eduardo Sizo, que explicou os aspectos jurídicos da terceirização. “A privatização de serviços existentes é uma declaração pública de incompetência da gestão em administrar os serviços. A ausência da prefeitura denota a intenção de levar a frente a proposta sem discutir com a sociedade”, frisou o diretor do Sindmepa, Waldir Cardoso.

Durante a audiência, um fórum de discussão foi criado para lutar contra a privatização da saúde em Marabá. “Criamos um Fórum para dar continuidade à luta contra a privatização dos hospitais e o Sindmepa dará todo o apoio e se fará presente em todas as oportunidades”, afima o delegado sindical do sindmepa Daniel Azevedo.

A primeira reunião de coordenação do Fórum acontecerá no dia 04 de agosto, às 17hs, no auditório do Sindicato dos Urbanitários.

Veja mais
Músico apresenta Através do Tempo na Quarta Musical

Músico apresenta Através do Tempo na Quarta Musical

José Maria Bezerra volta à Quarta Musical do Sindmepa com o show “Através do Tempo”, título do álbum lançado em março deste ano. O músico apresentará o repertório autoral em

Sindmepa Informa – 18.09.2023

Sindmepa Informa – 18.09.2023

PARALISAÇÕES Médicos das UPAs Marambaia, Jurunas e Terra Firme comunicaram ao Sindmepa na ultima sexta-feira que iriam paralisar os atendimentos nas unidades novamente por atraso de pagamento. O último repasse

CFM atualiza termos para publicidade médica

CFM atualiza termos para publicidade médica

Após processo que durou mais de três anos, o Conselho Federal de Medicina atualizou as regras de publicidade médica. Para definir as novas diretrizes foi realizada uma consulta pública, que