seg

abr 22, 2024

Afiliado a:

Login

Espaço do Médico

seg

abr 22, 2024

Afiliado a:

Espaço Médio

Médicos vão à justiça para garantir direitos trabalhistas

Médicos que trabalharam para o Instituto Ophir Loyola (IOL) vão entrar com ação na justiça para garantir direitos trabalhistas como FGTS e outras verbas rescisórias.

A decisão foi tomada durante uma Assembleia Geral Extraordinária que aconteceu na noite de ontem (12), no Sindicato para discutir a situação dos cerca de 90 profissionais contratados em regime celetista e demitidos pelo Instituto sem FGTS e outras verbas rescisórias.

Para a advogada Silvia Mourão é possível que os médicos do IOL vislumbrem uma vitória, inclusive, com diferença retroativa a congelamento salarial nos últimos oito anos, já que existe uma série de fatos que comprovam esta irregularidade. “No caso do Instituto Ophir Loyola vejo que existe uma saída para vencermos esta causa”, disse.

Os médicos demitidos pelo instituto sem qualquer garantia de direitos que desejarem entrar com ação junto ao Sindmepa devem se dirigir ao Sindicato munidos dos seguintes documentos: identidade, comprovante de residência, carteira de trabalho, contracheques e extrato analítico do FGTS.

Veja mais
Músico apresenta Através do Tempo na Quarta Musical

Músico apresenta Através do Tempo na Quarta Musical

José Maria Bezerra volta à Quarta Musical do Sindmepa com o show “Através do Tempo”, título do álbum lançado em março deste ano. O músico apresentará o repertório autoral em

Sindmepa Informa – 18.09.2023

Sindmepa Informa – 18.09.2023

PARALISAÇÕES Médicos das UPAs Marambaia, Jurunas e Terra Firme comunicaram ao Sindmepa na ultima sexta-feira que iriam paralisar os atendimentos nas unidades novamente por atraso de pagamento. O último repasse

CFM atualiza termos para publicidade médica

CFM atualiza termos para publicidade médica

Após processo que durou mais de três anos, o Conselho Federal de Medicina atualizou as regras de publicidade médica. Para definir as novas diretrizes foi realizada uma consulta pública, que