qua

maio 22, 2024

Afiliado a:

Login

Espaço do Médico

qua

maio 22, 2024

Afiliado a:

Espaço Médio

Sindmepa Informa – 16.09.2018

CHARLATANISMO

Diversos casos de exercício ilegal da medicina têm sido registrado ultimamente no Pará, especialmente no interior. O Sindmepa faz o alerta a todos os médicos que receberem informações sobre o assunto que denunciem imediatamente ao Conselho Regional de Medicina e, se preciso, façam ocorrência policial. O exercício ilegal da medicina é crime previsto no artigo 282 do código penal, com pena de detenção de seis meses a dois anos e, se o crime é praticado com fins lucrativos, aplica-se também multa.

EM SANTARÉM

O diretor do Sindmepa e presidente da FMB, Waldir Cardoso, proferiu palestra, no último final de semana, durante a 3ª Assembleia Regional da Norte 2, realizada pela Federação Internacional de Associações de Estudantes de Medicina – IFMSA Brazil. Ele falou sobre o Papel das entidades médicas e também sobre o projeto Acadêmico aspirante. Na ocasião, ele sugeriu que a delegacia sindical de Santarém se associe aos estudantes da região para criar o Núcleo Acadêmico do Sindicato dos Médicos no Baixo Amazonas. Uma ideia que tem todo nosso apoio.

ASPIRANTES

E na última sexta-feira, 14, fizemos, em Belém, a segunda cerimônia de entrega de carteiras aos nossos acadêmicos aspirantes. Já temos mais de 130 sócios nessa modalidade, acadêmicos de medicina que se associaram ao Sindmepa e podem usufruir de vantagens antes privativas de sócios. É o sindicato abrindo as portas aos acadêmicos, oxigenando ideias e gerando novas lideranças.

AÇÃO CIVIL

O Sindmepa vai encabeçar Ação Civil Pública contra a portaria do Ministério da Saúde que determina a redução do número de profissionais de saúde no atendimento de portadores da doença renal crônica do SUS. A portaria 1675 permite que até 50 pacientes, em um mesmo turno de diálise, estejam sob a responsabilidade de um só médico nefrologista e só um enfermeiro. Também aumentou o número de pacientes por técnico de enfermagem, de quatro para seis, o que para nós é um flagrante atentado ao bom atendimento desses cidadãos. Nesta luta, participam com a gente a SBN, ARCJ, Coren, Sindicato dos Enfermeiros, CMS, CNS e CRM-Pa.

IASEP CALOTE

O Conselho Superior do MP do Pará pediu novas diligências para esclarecer o atraso de pagamento do Iasep aos seus prestadores de serviços, em sua maioria na área médica. A demanda foi do Sindmepa e várias outras entidades de especialidades representativas de médicos. Pelo menos, o bom senso prevaleceu e os médicos aguardam a quitação dos débitos.

AS HORAS

Para discutir o tema do suicídio – que é marcado este mês pela campanha Setembro Amarelo – o Sindmepa vai promover um debate após a exibição do filme As Horas, filme britânico-americano do diretor Stephen Daldry, estrelado por Nicole Kidman. Teremos a participação de psiquiatras e de um psicólogo. O debate terá como intermediador Edvan dos Santos Brandão Junior, psiquiatra e crítico de cinema. Será no dia 27, às 19h, no cineteatro do Sindmepa.

GUERRA FRIA

O próximo filme a ser exibido na sessão normal do nosso cineteatro, na terça-feira, 18, é ambientado durante a guerra entre Estados Unidos e União Soviética. Mas A ponte dos espiões, dirigido por Steven Spielberg, nada tem a ver com as histórias que enaltecem a coragem americana diante do perigo vermelho. Um enfoque diferente para o mesmo assunto. A sessão do cineteatro é sempre às 19h. Na Boaventura, 999.

Veja mais
Músico apresenta Através do Tempo na Quarta Musical

Músico apresenta Através do Tempo na Quarta Musical

José Maria Bezerra volta à Quarta Musical do Sindmepa com o show “Através do Tempo”, título do álbum lançado em março deste ano. O músico apresentará o repertório autoral em

Sindmepa Informa – 18.09.2023

Sindmepa Informa – 18.09.2023

PARALISAÇÕES Médicos das UPAs Marambaia, Jurunas e Terra Firme comunicaram ao Sindmepa na ultima sexta-feira que iriam paralisar os atendimentos nas unidades novamente por atraso de pagamento. O último repasse

CFM atualiza termos para publicidade médica

CFM atualiza termos para publicidade médica

Após processo que durou mais de três anos, o Conselho Federal de Medicina atualizou as regras de publicidade médica. Para definir as novas diretrizes foi realizada uma consulta pública, que