WhatsApp: (91) 8895-3102
S.O.S Sindmepa: (91) 99893386
Afiliado a:

Sindmepa Informa – 22.12.2019

0

BOM SENSO

Prevaleceu o bom senso no caso dos médicos da UPA do Guamá que ameaçavam entregar as escalas e não trabalhar na virada do ano, o que seria um caos para uma unidade que atende um dos bairros mais populosos de Belém. Só de crianças de 0 a 4 anos, eram mais de 24 mil no censo de 2010. Em reunião intermediada pelo Sindmepa entre os médicos e a Sesma, em nossa sede, decidiu-se elaborar uma nova escala com a participação de plantonistas e o diretor clínico da UPA. Foi descartada a exclusão de pediatras da escala. As famílias do Guamá agradecem.

PROMESSAS

Aliás, vale destacar aqui também as boas novas que nos foram repassadas na mesma reunião pela diretora de Urgência e Emergência, Claudia Vieira Matos, e sua assessora, Lauriceia Valente. O Pronto Socorro do Guamá será reinaugurado no dia 20 de fevereiro próximo e a UPA da Marambaia será inaugurada no aniversário de Belém, 12 de janeiro. Serão entregues ainda em janeiro as UBS do Castanheira e do Portal da Amazônia, ficando a UPA do Jurunas para o mês de março. Vamos conferir. São ótimas notícias para este final de ano, a serem confirmadas.

ACADÊMICOS

Com mais uma entrega de carteiras na última quinta-feira, 12, o projeto Acadêmico Aspirante fecha o ano com mais de 400 estudantes associados. O projeto tem como objetivo agregar alunos de diversas instituições de medicina do estado, aproximar o sindicato dos médicos da comunidade acadêmica de medicina e preparar o acadêmico para o mercado de trabalho. Os associados têm acesso a benefícios semelhantes aos concedidos aos médicos sindicalizados. O projeto é uma iniciativa do Núcleo Acadêmico do Sindmepa coordenado pelo diretor Waldir Cardoso.

DIEESE

Em Assembleia regional ordinária do escritório regional do Dieese Pará, que elegeu a nova diretoria da direção regional da instituição, o Sindmepa permaneceu como um dos membros da direção regional. O planejamento da entidade para 2020 foi um dos assuntos tratados na Assembleia.

HAPVIDA

O Hapvida anunciou para os seus médios credenciados que o retorno de consultas não remuneradas pelo plano, de agora em diante passa a ser de 60 dias. Ora, esta é uma medida arbitrária para economizar no pagamento de honorários médicos que já são um dos piores praticados no mercado. A CBHPM em vigor preconiza que o retorno de consulta não remunerado deve ser feito em até 30 dias nos casos de mesma patologia ou de retorno de exames. Aconselhamos aos colegas que não aceitem mais este prejuízo, além dos valores irrisórios que hoje recebem pelo valor da consulta.

SURTO

A Sesma anunciou recentemente estarmos diante de um surto de sarampo em Belém. Na primeira semana do mês, o relatório da secretaria apontava a ocorrência de 39 casos confirmados, 129 suspeitos e 59 em investigação. Os bairros de maior ocorrência são Condor, Guamá, Terra Firme, Cremação e Jurunas. A faixa etária de 6 meses até 49 anos tem prioridade na vacinação. Quem ainda não se vacinou, procure logo um posto de vacinação. As crianças menores, com sistema imunológico mais frágil, são as que correm maior risco de evolução da doença. O Sindmepa apoia essa campanha.

Um feliz Natal a todas as famílias paraenses, em especial aos nossos leitores!

 

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.