WhatsApp: (91) 8895-3102
S.O.S Sindmepa: (91) 99893386
Afiliado a:

Pesquisa da Fiocruz vai jogar luzes sobre os efeitos da pandemia entre profissionais de saúde

0

Já está disponível o link da pesquisa “Condições de trabalho dos profissionais de saúde no contexto da Covid19 no Brasil”, realizada pela Fiocruz para estudar os impactos da pandemia nos profissionais de saúde da linha de frente no combate à doença.

Serão entrevistados profissionais de saúde de todos os 27 estados brasileiros, alcançando um universo de 1,5 milhão de trabalhadores da saúde. A coordenadora do trabalho, pesquisadora Maria Helena Machado, solicitou a parceria do Sindmepa para que a pesquisa atinja o maior número possível de profissionais de saúde do Pará.

“É fundamental que nossa categoria participe da pesquisa e contribua para a consolidação de políticas públicas em favor dos trabalhadores da saúde. Também é possível que a pesquisa nos dê pistas sobre a razão do alto índice de mortalidade de médicos pela Covid 19 no Pará”, disse o diretor do Sindmepa, Waldir Cardoso.

Para participar da Pesquisa, clique no link: http://bit.ly/PesquisaFiocruz

SAIBA MAIS

A pesquisadora Maria Helena Machado falou ao site sobre a pesquisa e suas expectativas:

O que motivou a equipe a dar início a essa pesquisa?
O que nos motivou foi a inquietação em perceber a pandemia se instalando no país e o trabalho árduo e complexo que os profissionais de saúde estariam enfrentando. De um lado, muitas denúncias, reclamações das condições de trabalho existentes para enfrentar a pandemia. De outro, o cenário internacional com notícias alarmantes de contaminação e óbitos de profissionais de saúde. Então nós, da Fiocruz, resolvemos assumir esse desafio da gestão do trabalho.

Quando a pesquisa começou e em que etapa vocês estão no momento?
Começamos no final de julho, início de agosto. Já encerramos a fase 1 da pesquisa e agora iniciamos as fases 2 e 3, que consistem em avançar na pesquisa de campo nos estados, municípios, nos estabelecimentos de saúde, nos hospitais, atingindo assim aqueles profissionais que estão na linha de frente da pandemia em todo o país.

Maria Helena Machado, socióloga e pesquisadora titular da Ensp/Fiocruz, coordena o estudo para descobrir os impactos da pandemia nos profissionais de saúde no combate à Covid-19

Quais as dificuldades até o momento?
Dificuldades sempre temos em qualquer pesquisa de grande porte e nacional. Estamos falando em um universo de 1,5 milhão de trabalhadores da saúde diretamente envolvidos no combate à Covid19. Esse é o nosso desafio maior: chegar até esses profissionais e mostrar a eles a enorme importância de responder positivamente à pesquisa.

Quais resultados você espera alcançar com a pesquisa?
Esperamos oferecer à sociedade o retrato da realidade em que os profissionais de saúde atuaram nesse período. Queremos produzir um estudo com análise rigorosa e cuidadosa dessas condições de vida e de trabalho e devolver aos trabalhadores, aos seus sindicatos, entidades profissionais, às instituições acadêmicas, para que possam analisar e produzir políticas públicas adequadas e permanentes para esses essenciais profissionais de saúde.

Qual o papel do Sindmepa ao apoiar a pesquisa?
O Sindmepa terá um papel fundamental junto à corporação médica buscando sensibilizar os colegas da importância deste estudo para sua vida profissional no futuro. O sindicato dos Médicos do Pará nos traz tranquilidade e esperança de que teremos um resultado surpreendente junto aos médicos do Pará, respondendo nosso questionário. E terá um papel político importantíssimo quando do debate e proposições que serão construídas a partir dos resultados de nossa pesquisa.

Existe uma previsão de quando os resultados serão divulgados?
Os resultados começarão a surgir no final de outubro início de novembro. É o que esperamos e desejamos.

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sindicato dos Médicos do Pará