seg

jun 17, 2024

Afiliado a:

Login

Espaço do Médico

seg

jun 17, 2024

Afiliado a:

Espaço Médio

Semana do Médico: médico escritor mostra pontos em comum da Gripe Espanhola e a pandemia do novo coronavírus

Para falar das correlações entre a gripe Espanhola de 1918 e a pandemia do novo coronavírus, em Belém, o médico especialista em patologia, mestre em doenças tropicais e dr. em História, José Maria de Abreu Junior, ministrou na noite de quinta-feira, 22, palestra para os participantes da Semana do Médico 2021 e programação dos 40 anos do Sindmepa.

A noite foi aberta pelo diretor Waldir Cardoso que agradeceu a presença de todos e apresentou o palestrante. “Ele veio abrilhantar esta noite com seus estudos sobre a gripe Espanhola e com seu conhecimento fazer um paralelo com a pandemia de 2020”, destacou. O diretor do Sindmepa também abriu espaço para dois patrocinadores da Semana, a Icatu Seguros e a Seguros Unimed, cujos representantes apresentaram um breve perfil de seus produtos aos médicos presentes.

Para Abreu Junior, “foi uma alegria fazer parte dessa grande festa dos 40 anos do Sindmepa. Foi uma grande honra estar aqui neste momento dessa instituição que é tão importante para a medicina paraense. Tem 40 anos, que não são só de tempo, mas de muita trajetória, de muita construção e de muito trabalho. Feliz de participar desta festa”, disse.

Médicos e diretores do Sindmepa prestigiaram a palestra de José Abreu Junior

A médica Simone Lima, classificou a iniciativa do Sindmepa como “extremamente positiva pela homenagem que faz à Semana do Médico. A palestra é extremamente contemporânea, porque traz o passado e a reflexão para os dias atuais. Já conhecia o livro, mas não tinha tido a oportunidade de vê-lo falando. Foi delicioso”, afirmou.

Usando recortes de jornais e revistas da época da Gripe Espanhola em Belém, Abreu Junior levou o público presente ao cineteatro a viajar no tempo e entender um pouco sobre o que se falava a respeito da gripe que assolou o mundo e chegou à capital paraense, provavelmente por meio de navios que atracaram nos portos da cidade.

No livro que escreveu sobre a gripe causada pelo vírus H1N1, O Vírus e a Cidade, ele abordou problemas semelhantes aos enfrentados no combate à pandemia do novo coronavírus. A falta de conhecimento científico e o recurso a toda sorte de medicamentos, mesmo aqueles que se mostraram inócuos no combate à doença, as fake news, e o segmento mais atingido pela peste, que foi o dos moradores das áreas mais pobres da cidade, como a “vila podrona”, onde a falta de saneamento e de higiene potencializou ainda mais os efeitos da peste, matando centenas de pessoas.

Helena Brígido recebe presente de médica premiada no sorteio

Ao final da palestra um breve debate ainda mobilizou o grupo, que contou com a presença da médica infectologista Helena Brígido, que trabalhou na linha de frente de combate à pandemia e prestigiou o evento. A infectologista foi uma das premiadas na noite com brindes oferecidos aos participantes pela Icatu Seguros, mochilas e malas de viagem.

Uma médica presente, sorteada com a mala, emocionou a todos ao oferecer o brinde à dra. Helena como reconhecimento pelo seu trabalho na linha de frente de combate à pandemia. A noite se encerrou com a venda de livros e distribuição de autógrafos pelo palestrante.

A Semana do Médico 2021 tem como patrocinadores: Projex, Icatu, Robot Genesis, Amazona Digital, MAG Seguros, Seguros Unimed e Sicredi Belém.

Veja mais

Mais populares: