sex

abr 12, 2024

Afiliado a:

Login

Espaço do Médico

sex

abr 12, 2024

Afiliado a:

Espaço Médio

Sindmepa Informa – 03.04.2022

SESMA
Esta semana a categoria médica que presta serviços à Prefeitura de Belém foi surpreendida com comunicado oficial da Sesma reduzindo valores de plantões e sobreavisos, limites para o número mensal de plantões e redução de pagamento de diretores técnicos e clínicos. O Sindmepa repudia essa decisão, unilateral, sem prévio diálogo com a categoria, já que havia um acordo pré-estabelecido para valores de plantões que seriam praticados após o dia 5 de março, com a redução dos números da pandemia.

REAÇÃO
As medidas da Sesma geraram enorme e inevitável insatisfação entre a categoria, com consequente entrega de cargos de diretores e escalas de plantão de vários médicos. Convocamos uma Assembleia Geral para discutir o caso e solicitamos audiência com o secretário de saúde do município, em caráter de urgência. Até quinta-feira, quando a coluna foi fechada, não tínhamos obtido resposta. O Sindmepa vai tomar todas as providências necessárias para que os médicos e a população de Belém não saiam prejudicados desse processo, o qual consideramos antidemocrático e antipopular.

HPSM
Aliás, denúncias registradas por trabalhadores da saúde no HPSM da 14 de março já anunciavam essa crise que a saúde do município atravessa. Faltam medicamentos, leitos, material de higiene, de curativo, equipamentos estão sucateados, como por exemplo, para endoscopias, entre outros problemas. Faltam médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem para dar conta da demanda. O Sindmepa planeja uma visita ao hospital para conferir as denúncias. Se confirmadas, enviaremos pedido de providências ao Ministério Público estadual, federal e autoridades de saúde.

SOS SINDMEPA
O Sindmepa mantém um canal de comunicação disponível 24h por dia, durante todos os dias da semana, para atender as demandas dos médicos, o SOS Sindmepa. Pelo telefone é possível tirar dúvidas ou obter orientações sobre procedimentos inerentes à atividade médica. Anote e ligue: Sos Sindmepa: (91) 99989-3386.

ACADÊMICOS
O Sindmepa realizou mais uma Cerimônia de Certificação do projeto Acadêmico Aspirante. Atualmente, o projeto conta com mais de 500 estudantes associados com acesso aos benefícios ofertados, incluindo o plano de saúde Unimed com até 55% de desconto. O Núcleo Acadêmico do Sindmepa também realizou o II Simpósio Acadêmico Aspirante no dia 31. O evento reuniu jovens para debater diversos temas de interesse dos acadêmicos. Para fazer parte do time de associados, basta acessar: https://bit.ly/3xWNqam.

UEPA
E por falar em Núcleo Acadêmico, eles vão representar o Sindmepa na Semana do Calouro da Universidade do Estado do Pará, que ocorre entre os dias 04 e 08.04. Os estudantes vão apresentar o sindicato e sua atuação aos calouros, e estarão presentes também na Cerimônia do Jaleco, no dia 08 de abril.

AGENDA CULTURAL
Nesta terça-feira, 05, o Cine Sindmepa exibe o clássico “Casa de Bonecas”, de Patrick Garland. Nora Helmer comete uma falsificação para salvar a vida de seu marido e vive com medo de ser descoberta. Já na Quarta Musical, o show é com o músico erudito, Pedro Imbiriba, que apresenta composições de violonistas paraenses como Tó Teixeira e Nego Nelson. O show é presencial, no cineteatro do Sindmepa, e também pode ser visto pelo perfil @sindmepa no Instagram, a partir das 19h.

Veja mais
Músico apresenta Através do Tempo na Quarta Musical

Músico apresenta Através do Tempo na Quarta Musical

José Maria Bezerra volta à Quarta Musical do Sindmepa com o show “Através do Tempo”, título do álbum lançado em março deste ano. O músico apresentará o repertório autoral em

Sindmepa Informa – 18.09.2023

Sindmepa Informa – 18.09.2023

PARALISAÇÕES Médicos das UPAs Marambaia, Jurunas e Terra Firme comunicaram ao Sindmepa na ultima sexta-feira que iriam paralisar os atendimentos nas unidades novamente por atraso de pagamento. O último repasse

CFM atualiza termos para publicidade médica

CFM atualiza termos para publicidade médica

Após processo que durou mais de três anos, o Conselho Federal de Medicina atualizou as regras de publicidade médica. Para definir as novas diretrizes foi realizada uma consulta pública, que