WhatsApp: (91) 8895-3102
Afiliado a:

Sindmepa Informa – 05.06.2022

0

FALSO MÉDICO
No município de Chaves, uma vereadora denuncia a presença de dois profissionais contratados por OS, que não possuem CRM. A denúncia é de que eles usam CRM de outros médicos. O Sindmepa repudia a contratação de falsos médicos por parte dos gestores, colocando em risco a saúde da população e pugna pela punição dos envolvidos.

PISO
Encontra-se na Secretaria Legislativa do Senado Federal o projeto de lei de autoria da senadora Daniella Ribeiro (PSB-/PB) que modifica o salário mínimo dos médicos e cirurgiões dentistas e aumenta os valores de horas extras e adicionais noturnos dos referidos profissionais. O projeto altera a lei de 1961 para tornar o piso salarial dos médicos mais de acordo com a realidade atual. A luta pelo piso é uma das prioridades da Federação Médica Brasileira (FMB) decidida no Simpósio Nacional – Carreira e o Piso Nacional do Médico, realizado em abril, em BH.

SOLIDÁRIOS
O Sindicato dos Médicos de Pernambuco, em parceria com outras entidades médicas do estado, lançou a campanha Médicos solidários, em favor das vítimas dos deslizamentos provocados pelas fortes chuvas que tem caído em Recife. A campanha está arrecadando água, alimentos não perecíveis e materiais de limpeza para doar às famílias desabrigadas. Quem puder, e quiser, colaborar, o pix do Simepe é o CNPJ: 11010238/0001-14.

VACINAÇÃO
Belém começou a aplicar a dose de reforço da vacina contra a covid-19 em adolescentes de 12 a 17 anos. Será aplicada a Coronavac, devido à indisponibilidade da Pfizer no município. Os dois imunizantes estão autorizados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para a faixa etária. No caso de adolescentes imunocomprometidos, de 12 a 17 anos, somente a Pfizer pode ser usada. A dose de reforço deve ser administrada a partir de quatro meses após a última dose do esquema vacinal primário.

HOSPITAL
Prefeitura de Belém anunciou está semana a construção do primeiro Hospital Municipal Materno-Infantil. Além dos cuidados específicos para as mulheres, durante a gestação, as pacientes contarão com uma rede de cuidado ampliada voltada para o desenvolvimento das crianças nos seus primeiros anos de vida. O prédio será construído às margens do rio Guamá, no bairro Cremação. Na torcida pela consumação da promessa.

PREVENÇÃO
O Instituto Nacional de Câncer (Inca) iniciou na semana passada a campanha “Câncer, dá para prevenir?”. O objetivo é informar profissionais de saúde e a população sobre a relação entre excesso de peso, inatividade física, consumo de álcool e de carne processada com o câncer. Pesquisas indicam que cerca de 30% dos casos podem ser prevenidos com um modo de vida mais saudável.

ONCOLÓGICO
O Sindmepa solicitou audiência com o secretário de Saúde do estado a fim de discutir o distrato da Organização Social que atendia a demanda do Hospital Oncológico Infantil. A empresa que prestava serviços foi distratada e até agora nenhum contato foi mantido pela nova empresa com a equipe de médicos que atua no local. O estado precisa se manifestar sobre o assunto, já que problemas podem surgir em decorrência do rompimento contratual, o que representaria sério risco à saúde das crianças.

AGENDA CULTURAL
O Cine Sindmepa desta terça-feira, 07, exibe o longa “A Moça com a Valise”, de Valerio Zurlini. A sessão homenageia o ator Jacques Perrin, que faleceu recentemente. Já a Quarta Musical volta a receber o show do violonista, Mauricio Gomes. No repertório, canções marcantes de Manuel de Falla, Manuel Ponce, Sebastião Tapajós, Catiá, entre outros. É sempre às 19h, com entrada franca, no Cineteatro e transmissão ao vivo no perfil @Sindmepa, no Instagram.

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sindicato dos Médicos do Pará