WhatsApp: (91) 8895-3102
Afiliado a:

Combate e Prevenção à Trombose alerta para fatores predisponentes

0

O Dia Nacional de Combate e Prevenção à Trombose, comemorado nesta sexta-feira, 16, foi instituído pela Lei nº 12.629/2012 com o objetivo de reduzir o número de casos não diagnosticados, incrementar medidas para prevenção baseada em evidências e incentivar sistemas e cuidados de saúde de forma a criar estratégias que garantam a prevenção, por meio da conscientização. Estimativas do Ministério da Saúde apontam que a doença acomete duas a cada mil pessoas por ano.

A patologia é mais frequente em pessoas com certas condições predisponentes, como uso de anticoncepcionais ou tratamento hormonal, tabagismo, presença de varizes, pacientes com insuficiência cardíaca, tumores malignos, obesidade ou a história prévia de trombose venosa.

A Trombose Venosa Profunda (TVP), conhecida como flebite ou tromboflebite profunda, é a doença causada pela coagulação do sangue no interior das veias – vasos sanguíneos que levam o sangue de volta ao coração – em um local ou momento não adequados.

Outras situações são importantes no desencadeamento da trombose: cirurgias de médio e grande portes, infecções graves, traumatismo, a fase final da gestação e o puerpério, e qualquer outra situação que obrigue uma imobilização prolongada. Entre as condições predisponentes é importante citar ainda a idade avançada e a presença de anormalidade genética do sistema de coagulação. Fique atento aos sintomas e em casos de suspeitas, procure a unidade de saúde mais próxima.

Com informações de Ministério da Saúde

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sindicato dos Médicos do Pará