WhatsApp: (91) 8895-3102
Afiliado a:

Sindmepa Informa – 25.12.2022

0

PARALISAÇÃO
Médicos da UPA Marambaia comunicaram ao Sindmepa, à Sesma e à população que irão paralisar parcialmente os atendimentos a partir deste domingo, 25, por tempo indeterminado. Os profissionais reivindicam a regularização dos plantões realizados em outubro e novembro. Segundo os médicos, o último pagamento realizado foi referente ao mês de setembro. O movimento irá restringir os atendimentos a 30% do fluxo, mantendo assistência somente aos pacientes laranjas e vermelhos, que são os mais graves, de acordo com a classificação de Manchester. O Sindmepa está acompanhando e defenderá os direitos dos médicos em todas as instâncias.

SANTARÉM
A contratação dos médicos que prestam serviços no Hospital Municipal de Santarém e na UPA 24h do município continuará sendo feita por meio de Pessoa Jurídica, quando a prefeitura assumir a gestão das unidades, em janeiro de 2023, após a saída da OS Mais Saúde. Os valores dos plantões serão mantidos em R$1.600,00, por 12 horas, e o chamamento público para as empresas médicas se inscreverem já foi publicado. Os diretores do Sindmepa, Emaunel Resque e Nástia Irina, estiveram em Santarém acompanhados do assessor jurídico Yúdice Andrade, para participar de reunião com a Secretária Municipal de Saúde de Santarém e tratar sobre o cenário da saúde no município. O Sindmepa continuará vigilante para impedir que esta prática não se reverta em prejuízo para os médicos.

PEJOTIZADOS
Solicitamos ao Ministério Público do Trabalho, que intermedie uma reunião entre o Sindicato, a Secretaria de Saúde do Estado (Sespa) e a Organização Social Pró-Saúde para discutirmos o problema dos não pagamentos dos médicos pejotizados da OS. A Pró-Saúde está encerrando seu contrato de trabalho com o governo do Estado e até agora não foram discutidos os pagamentos pendentes devidos aos profissionais contratados via Pessoa Jurídica. Esperamos que, a partir da mediação do MPT, os pagamentos aos médicos PJs possam ser garantidos, por meio de cronograma com datas definidas formalmente, por parte da Sespa e Pró-Saúde.

ASSÉDIO
A Promotoria de Justiça dos Direitos Constitucionais Fundamentais do MP de Ananindeua solicitou ao Sindmepa que indique médicos envolvidos na denúncia de assédio moral registrada contra a gestora Suzi Baía para que sejam ouvidos pela Promotoria. A prática é recorrente por parte da gestora, que já havia sido transferida de unidade pelo mesmo motivo. A denúncia do Sindmepa foi protocolada junto ao MP no início do mês e atendeu a pedido de dezenas de médicos que dizem ter sofrido assédio moral por parte da gestora nas UPAs da Cidade Nova e Icuí Guajará.

VITÓRIA
Aliás, o afastamento da gestora acusada de assédio moral foi uma das vitórias do movimento médico deflagrado pelos médicos de Ananindeua. Após paralisar atividades, além de conseguir o afastamento da gestora, conseguiram negociar com a empresa e o Procurador de Ananindeua o pagamento de plantões atrasados, garantindo respeito à categoria. Eles seguem em estado de greve por 60 dias.

AGENDA CULTURAL
Nesta terça-feira, 27, o Cineclube Sindmepa exibe o filme “O Incrível Exército de Brancaleone”, dirigido por Mario Monicelli. No longa, um bravo cavaleiro parte para tomar posse de suas terras, mas é assassinado por um grupo que decide tomar posse da escritura. Começa aí uma longa jornada, onde Brancaleone e seus homens enfrentam os mais diversos perigos. A sessão começa às 19h, com entrada franca, no Cineteatro. Já a Quarta Musical entra em recesso e retorna no dia 4 de janeiro.

FELIZ NATAL
Um feliz Natal repleto de paz e alegrias, com muita saúde e felicidades, a todos os médicos e médicas, colaboradores e parceiros do Sindmepa.

Leave A Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Sindicato dos Médicos do Pará